Cerveja portuguesa Quinas faz propaganda racista

A campanha publicitária destina-se ao mercado africano, mas foram os brasileiros que mais se indignaram.

Ninguém quer brindar.

“Os portugueses são conquistadores e gostam de deixar marca onde passam”.Campanha publicitária de nova cerveja…

Publicado por MC Somsen em Domingo, 3 de fevereiro de 2019

Miguel Somsen, jornalista e escritor, divulgou este domingo, 3 de fevereiro, o caso nas redes sociais e remete para a página oficial da Quinas. Lá, podem ler-se textos odiosos, como: “Destruíram todo por onde passaram. Essa é a marca”; “Ladrões, esclavagistas, assassinos”; ou “Vocês são ridículos. É melhor mudarem a equipa de marketing, porque em África já não voltam a ‘conquistar’ absolutamente nada”.

Mas há mais. “Deixaram marcas até hoje, por isso é que o Brasil está a merda que está” e “África, escondam o ouro que sobrou” são outros comentários.

Houve até quem fosse mais longe e fizesse uma montagem com a nova campanha da marca portuguesa. No lugar da frase publicitária escreveram: “Os portugueses têm mais é que se foder. Só não riem quando a cerveja acaba”.