Ministro das Relações Exteriores do Brasil visita a Costa do Marfim

cogte ivoire presidente.jpg

O ministro das Relações Exteriores do Brasil,  Aloysio Nunes Ferreira, concluiu hoje visita de dois dias à Côte d´Ivoire (Costa do Marfim), na África Ocidental, visando o reforço das relações bilaterais em várias áreas.


África 21 Digital


Abidjan, Costa do Marfim

Durante as conversações realizadas em Abidjan, a capital do país oeste-africano,  os governantes brasileiro e ivoirense concordaram em aprofundar a cooperação bilateral, particularmente nos setores político, econômico, comercial, de infraestrutura, biotecnologia, farmacêutica, cultural e esportivo, bem como da defesa e da segurança, de acordo com nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores brasileiro (Itamaraty).

Na ocasião, o governo da Costa do Marfim “reiterou o agradecimento ao Governo brasileiro pela importante cooperação técnica proporcionada ao Instituto Nacional de Estatística para a realização do 4° Recenseamento Geral Habitacional e Populacional da Côte d’Ivoire”.

O ministro dos Negócios Estrangeiros marfinense,Marcel Amon-Tanoh, agradeceu ainda a  transferência de tecnologia brasileira para criação de tilápias em várias regiões da Côte d’Ivoire, acompanhada de uma doação de milhares de alevinos dessa variedade de peixes.

Durante a estadia, Aloysio Nunes Ferreira foi recebido pelo presidente da República, Alassane Ouattara, a quem transmitiu convite do Palácio do Planalto para visitar o Brasil.

A Costa do Marfim expressou também o agradecimento pela anulação de 86% da dívida ao Brasil e a disposição de proceder à assinatura do contrato de reestruturação do residual da dívida marfinense.

cote ivoire presi.jpg

Advertisements

Côte D’ivoire: Primeiro-Ministro apresenta demissão do seu governo

daniel-kablan-duncan

Abidjan – O Primeiro-Ministro ivoiriense, Daniel Kablan Duncan, apresentou esta segunda-feira, em Abidjan, a demissão do seu governo ao presidente Alassane Dramane Ouattara, noticiou a Juene Afrique.

MAPA DA CÔTE D’IVOIRE

O anúnciou, esperado desde há alguns dias, aconteceu após uma audiência entre os dois homens no Palácio da Presidência da República no final desta manhã.

“Submeti a demissão do Primeiro-Ministro e a do governo em conformidade com o artigo 33 da Constituição”, indicou Daniel Kablan Duncan.

O antigo Primeiro-Ministro indicou a imprensa que essa demissão acontece antes da sessão inaugural da Assembleia nacional prevista para esta segunda-feira, há menos de um mês após à realização das eleições legislativas a 18 de Dezembro.

“Os membros do governo foram eleitos sobre 20 candidatos. Segundo uma prática política de longa data, todos os deputados eleitos devem assistir a sessão inaugural. Existe uma incompatibilidade entre as funções de deputado e de ministro”, acrescentou, evocando o artigo 84 da nova Constituição.

Alassane Ouattara aceitou a demissão do Primeiro-Ministro e exarou decretos que dão por findo as funções do governo, assim como dos conselheiros especiais da presidência.

A agenda política dos próximos dias afigura-se bastante apertada. Numa altura em que é esperada uma remodelação governamental esta semana, os deputados ivoirienses devem eleger esta segunda-feira, o próximo presidente da Assembleia nacional. Guillaume Soro, candidato à sua própria sucessão, parte favorito para conseguir o voto de confiança.

FRANCE-ICOAST-POLITICS-DIPLOMACYPor outro lado, Alassane Ouattara deve proceder a nomeação do vice-presidente, um posto criado pela nova Constituição. Segundo informações do Juene Afrique, está prevista para terça-feira, às 10h00 locais, uma deslocação do chefe de Estado à Assembleia nacional para fazer uma declaração solene durante a qual deverá anunciar o nome do seu futuro delfim constitucional.

http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/africa/2017/0/2/Cote-ivoire-Primeiro-Ministro-apresenta-demissao-seu-governo,161ad08a-dea0-4908-a98e-2f748a8b0c01.html